Quadros: uma maneira prática de refrescar a decoração

A Arquiteta Arina Araújo orienta como transformar um ambiente sem transtornos.

Mudar a “cara” da sala de tempos em tempos pode ser uma boa maneira de deixar a vida no lar mais gostosa e divertida e, muitas vezes, a rotina pode ser contornada quando mudamos a decoração da living ou do quarto. “Sabe aquele jantarzinho em que queremos receber os convidados de maneira mais acolhedora, deixar a sala de jantar com ares novos, mas a data está marcada para semana que vem e não vai dar tempo de pintar ou corrigir imperfeições nas paredes?” pontua Arina Araújo e ainda arremata: “a solução pode vir dos quadros, que são coringas por quebrarem a monotonia, trazerem cor, vibração, textura além de dialogarem com a mobília”.

arina araujo arquiteta projeto

A primeira coisa que precisamos olhar são as cores predominantes e aqui temos tons quentes de rosa, pontuados pelo contraste do preto e branco sobre uma base neutra de cinza e areia. O segundo item é a proporção da área do ambiente em relação às paredes disponíveis e a disposição dos móveis e objetos. Devemos harmonizar os quadros dentro deste contexto e percebendo o estilo, neste caso, o living é contemporâneo.

O grande quadro da esquerda, disposto na horizontal, é composto de fotografia preto e branco leva moldura na mesma cor, estabelecendo um link com as cúpulas dos abajures, mesas laterais e poltronas pretas. O quadro sequencial, colorido, de paspatur e moldura brancos, tem a mesma altura do anterior e estão alinhados, mas este último reforça sua verticalidade com um retângulo vermelho que dialoga com o grande tapete, almofadas e mesa redonda avermelhados. Logo em seguida, uma dupla de quadros horizontais de base branca (paspatur e moldura) com foto preto e branco delimitam visualmente a a área da largura do sofá de três lugares e em perspectiva, fazem par com a dupla de mesas brancas, em um conceito de similaridade. O último quadro da direita, novamente na vertical, traz para perto de si as poltronas brancas que estão à sua frente e suas cores formam um ponto de contraste com o azul e um ponto de equilíbrio com o preto e tons neutros. Os objetos seguem as mesmas cores dos quadros, em uma relação de contiguidade.

arina araujo arquiteta
Nesta sala de jantar Os quadros são bem neutros. As molduras finas em tom preto contrastam com o o tema branco e preto das telas, que são muito parecidas, mas não idênticas, novamente aqui a similaridade conceitual acontece. O grande momento do décor é a temática das pinturas nas telas se conectando com o piso de mármore.

arina araujo arquitetaAs poltronas vermelhas deste canto são a primeira coisa que salta aos olhos. O vermelho é uma cor de personalidade que deve ser usada com parcimônia e Arina Araújo soube tranquilizar a alta vibração deste tom com uma parede branca e tapete neutro. O quadro em questão é bem interessante, apesar de ser de grandes dimensões, consegue ser neutro como o tapete, claro como a parede e cria uma equação de pertinência com o vermelho e os objetos dispostos sobre as arandelas de acrílico branco que servem como prateleiras.

 

 

senibeton arinaaraujo

O charme dos revestimentos de cimento

O uso de revestimento com acabamento que busca um efeito natural tem conquistado espaço no décor. Ótima opção para renovar o ambiente e trazer um ar contemporâneo à ele é o uso de revestimento cimentício, feito a partir do concreto. Placas cimentícias são revestimentos com boa durabilidade, podem ser usadas no acabamento dos pisos e das paredes da residência, em ambientes internos, externos e fachada.

Pisos e paredes revestidos de base cimentícia proporcionam aparência rústica e um excelente desempenho quando o assunto é durabilidade e resistência mecânica. Por ser atérmico, (propriedade de reter pouco calor), este tipo de revestimento “esquenta menos” porque é feito de material poroso, que dissipa melhor o calor. São ecologicamente corretos e consegue-se obter aparência de materiais variados, desde madeira até mármore, em diferentes tonalidades.

O Cimento Queimado
Os principais produtos industriais usados para obter o acabamento em cimento queimado são o cimento polimérico (com um aditivo que garante elasticidade e aderência) e massas pré-fabricadas à base de pó de limestone ou de quartzo. Essas últimas têm boa resistência a trincas, são orçadas conforme o projeto e acompanham quatro produtos: base de regularização cimentícia, pigmentos, seladora e resina.

cimento queimado arina araujo

Tecnocimento®
Tecnocimento® é um revestimento decorativo cimentício polimérico que apresenta o aspecto do cimento queimado, isento de juntas, de secagem rápida e baixa espessura. Sua estética apresenta o charme das nuances, aspecto e cor do cimento.

tecnocimento arinaaraujo arquitetura

O conceito de aplicação do Tecnocimento® é bastante distinto do cimento polimérico, pois é aplicado como uma massa corrida, em camada única, monolítica, sem emendas e sem juntas, sendo aplicado por profissionais de acabamento que dominam o manuseio da desempenadeira de aço, como pintores, aplicadores de massa ou textura, gesseiros e também por pedreiros. A característica principal do profissional de aplicação é o capricho e estar atento a detalhes de acabamento.

tecnocimento arina araujo

tecnocimento

Mr.Cryl
É um revestimento cimenticio totalmente monolítico – sem juntas de dilatação, desenvolvido para ser aplicado em fachadas, paredes e pisos, com apenas 2mm de espessura.

mr cryl arina araujo

Produto de alta aderência e flexibilidade sobre argamassas, drywall, mdf, painéis cimenticios, cerâmica ou azulejos, evitando o incomodo do quebra-quebra das reformas. Valorizam ambientes residências e comerciais em áreas externas e internas.

arina araujo mrcryl

Mr.Cryl possui aderência de alto nível sobre diversos substratos tais como azulejos, pisos cerâmicos, gesso acartonado, pastilhas drywall, concreto, chapa de madeira, pedras naturais, contra-piso, paredes e tetos sem causar escorrimentos, agiliza a obra por não haver necessidade de remoção dos revestimentos pré-existentes, reduzindo o tempo e o gasto com mão- de-obra.

SéniBéton

O SéniBéton é um revestimento inovador, a base de limestone de alta resistência, especialmente desenvolvido para pisos e paredes.  A versatilidade do produto foge da mesmice propondo um diferencial aos ambientes, dispensando as desgastantes reformas devido à fácil aplicação, além de ser totalmente monolítico, ou seja, dispensa juntas de dilatação. Pode ser aplicado sobre contra pisos fino ou grosso, cimento ou pedras que apresentem porosidade.

De revestimento com aspecto levemente granitado com nuances de cor, SéniBéton existe para ser aplicado em pisos internos ou externos. Não se destinam a corrigir as imperfeições como ondulações, fissuras, trincas, umidade ou rachaduras.

senibeton arinaaraujo

 

seni beton arina araujo

“Interior of modern house, metal staircase”

arina araujo

Arina Araújo ensina truques para refrescar a decoração da casa gastando menos – Correio Braziliense

A arquiteta Arina Araujo compartilha dicas incríveis em reportagem no Correio Braziliense, na qual propõe  refrescar o décor da casa mesmo que em momentos de recursos menos abastados. Vale a pena conferir!

Arquiteta ensina a decorar a casa com pouco dinheiro e muita criatividade

arina araujo arquiteta

Carpete em todos os cômodos, textura nas paredes, lustres de cristais e muito brilho. Ostentação demais para a época de crise econômica em que o Brasil está passando, não é mesmo? Pensando nisso, alguns brasileiros resolveram buscar alternativas para, mesmo nesse período, não deixar de decorar a casa e deixá-la do jeito que gosta. Com a ajuda de um arquiteto, por exemplo, a casa pode ficar ainda mais bonita, mesmo com um custo pequeno.

A arquiteta Arina Araújo explica que não é preciso esbanjar para deixar o lar doce lar bem apresentado. “Hoje em dia com uma boa consultoria, os itens e as cores certas, parece que a casa está nova em folha a cada semestre”, comenta.

Para quem está querendo redecorar o quarto, mas a grana está curta, a dica da arquiteta é unir bem as almofadas com o tapete. “O charme de sempre fica à base das cores. Unir sempre e combinar, mas sem exagerar, claro”, pondera.

arina araujo arquiteta

Outra dica é ousar nos pallets, que estão em alta. Eles estão cada vez mais sendo aproveitados na decoração. E os adesivos podem dar todo um charme em um detalhe na parede da sala. A arquiteta diz também que servem para cobrir aqueles revestimentos da cozinha e banheiro dando toda a graça no ambiente além de fácil aplicação. ”Usar papel de parede também é uma ótima sugestão, além da fácil aplicação”.

Não esquecendo que ambientes pequenos pedem papeis de parede com estampas menores. A dica é dar cor em uma única parede na sala e em outra uma espelhada para da um ar de maior é o custo pequeno: Troca de capa de almofadas, capa para cadeiras e sofás, pufs, que são peças chaves na decoração, fazem uma boa diferença.

“Podemos colocar nas paredes belíssimos quadros. Não precisa ser obras de arte caras. Podemos investir em pôsteres que são vendidos em papelarias ou bancas de jornais. Coloca uma simples moldura e pronto!”, argumenta. Reformar um móvel antigo também é outra dica útil. Uma boa pintura e troca de puxadores já da outra cara ao ambiente.

Além de tudo isso, um belo arranjo com flores artificiais também é uma opção de decoração e dá todo um charme ao ambiente. Se não pode trocar o piso da casa, pelo menos um tapete sim. Com certeza sairá muito mais em conta para o bolso do brasileiro.

arina araujo arquiteta

Confira dicas de decoração criativas e econômicas para cada cômodo da casa:

Sala de estar
Dê cara nova aos objetos de decoração. Pinte, retire, acrescente ou revista. Pequenos detalhes podem mudar completamente a decoração desse ambiente. Trocar as capas das almofadas, apostar em uma cortina nova, ou renovar as fotos dos porta-retratos já pode fazer muita diferença.

Cozinha
Nem sempre você irá precisar gastar muito para decorar sua cozinha e deixá-la com cara nova. Quebrar paredes gera custos, por isso aposte em adesivos e em azulejos que não necessitam de grandes reformas.

Sala jantar
Na sala de jantar é possível pintar uma parede com uma cor diferente e trabalhar com capas nas cadeiras. Usar espelhos também pode turbinar a decoração, e se você quiser ousar um pouco mais troque a iluminação tradicional por pendentes.

Quarto do casal
Aquele móvel antigo e desgastado no canto pode ser transformado com um pouco de tinta, paciência e criatividade. Use arranjos de flores e aposte em adesivos de parede para repaginar o quarto do casal

Quarto das crianças
Crianças, paredes e giz são uma combinação de pura arte. Pintar uma parede com tinta lousa é uma solução criativa para aproveitar melhor o espaço do quarto dos pequenos. Também dá para decorar com uma cortina e usar nichos simples para colocar brinquedos.

arquiteta arina araujo

 

Fonte: Correio Braziliense

flyer

Exposição “ENTRE AFETOS E SOMBRAS”

Boa dica de exposição fotográfica em Brasília, evento que com certeza a Arquiteta Arina Araujo estará prestigiando, vale a pena conferir.

Duas artes que dialogam colaborativamente: fotografia e poesia. Essa união ocorre com os artistas Alliny Nunes e Roberto Medina na exposição “Entre afetos e sombras” que se encontrará no Memorial do TJDFT de 06 a 17 de julho. O espectador pode passear contemplativamente pelo conjunto de fotos e poemas nessa exposição como uma experiência estética da poesia da luz, na concepção de Marcel Proust: “A verdadeira viagem de descoberta não consiste em procurar novas terras mas ver com novos olhos”.

De acordo com a fotógrafa Alliny Nunes, “Teremos algumas peças exclusivas para o TJDFT, sendo apresentadas ao público pela primeira vez “, como a foto da indiana abaixo:

Prita Vinodkumar Exposição “ENTRE AFETOS E SOMBRAS” Alliny Nunes e Roberto Medina
Retrato da indiana Prita Vinodkumar, com exclusividade na mostra do TJDFT

ALLINY NUNES fotógrafa da mostra ENTRE AFETOS E SOMBRAS A fotógrafa Alliny Nunes, em retrato por Nikola Pravnovic

Alliny Nunes
Fotógrafa

Graduada na área da saúde pela UCB, é fotógrafa profissional formada pelo Espaço f/508 de fotografia. Além disso, tem especialização em fotografia de retratos em preto e branco e fine art em Missouri (EUA). Também lecionou os cursos básico e avançado de fotografia digital da Nikon (Nikon Seminars/Nikon School) e, em Brasília, ministra workshops na área fotográfica. Possui curso sobre mercado de luxo, com Claudia Matarazzo, e curso em expografia, sob o conceito da Escola Bauhaus, Alemanha.
Durante dois anos, em navios de cruzeiro, fotografou famílias de diversas nacionalidades e culturas, em mais de oitenta cidades e trinta países. O universo de imagens de Alliny Nunes compõe-se de fotografias em estúdio, retratos, eventos, casamentos, retratos de artistas e escritores.
No Brasil, Araquém Alcântara prestou consultoria de leitura de portfolio da fotógrafa Alliny Nunes, a fim de apurar o trabalho autoral com fotografia de viagem e registros do cotidiano de tripulação. O trabalho da fotógrafa pode ser conferido em sites especializados, exposições individuais e coletivas e livros. Trabalho recente: a exposição “Entre afetos e sombras”, com apresentação de Cássia Relva e curadoria e poesia textual de Roberto Medina.
Para Alliny Nunes, um bom retrato deve ser uma representação do indivíduo independente do passar do tempo. Mais que uma imagem bonita, seus retratos são o legado do retratado, dialogando com futuras gerações.

Roberto Medina
Professor e escritor

Doutorando em Teoria Literária e Estudos Literários Comparados na UnB, Medina publicou artigos em revistas científicas nacionais e internacionais. Escritor e professor de escrita criativa, ministra diversos cursos de pós-graduação. Atua com o foco em literatura brasileira, poesia, contos e história da arte, poéticas visuais, teoria literária e adaptações para cinema e teatro. Sua pesquisa abrange questões relacionadas a linguagem poética, às obras de Wilhelm Dilthey e Dostoievski, além dos projetos estéticos e ideológicos de Manoel de Barros, Machado de Assis e Jorge Luís Borges.

Alliny Nunes e Roberto Medina na exposição “Entre afetos e sombras” que se encontra no Memorial do TJDFT de 06 a 17 de julho

prima linea carina araujo

Visita à fábrica da Prima Linea em BH

Prima Linea é uma fabricante brasileira de mobiliário que carrega no dna de sua marca a tradição do design de móveis da Itália, possui a solidez de estar presente a mais de 30 anos de mercado do design e conta com cinco lojas em Brasília/DF, quatro em Belo Horizonte/MG e outras duas do grupo no mesmo local.

Prima Linea utiliza máquinas italianas em sua unidade fabril, localizada em MG, engrenagens europeias e acabamento proveniente da Itália. Seguindo a tradição de empresa familiar que cresceu e se modernizou, a segunda geração de gestores, costuma definir a empresa como “marcenaria de luxo” devido à extensa gama de possibilidades de execução, acabamento e customização de seu mobiliário. Esta característica permite que Prima Linea consiga atender em escala como uma industria  e em paralelo, dispor da customização de cores e medidas de um mesmo mobiliário que o arquiteto necessita.

arina araujo arquiteta e guilherme noronhaherme
Guilherme Noronha, da Prima Linea e Arina Araújo, em 29/05/2015.

Em Belo Horizonte/MG está localizada a fábrica e seus artesãos da madeira e estofado. O cuidado extremo parte desde o projeto, em que se busca tendências internacionais de design, cores, materiais de acabamento selecionados com o máximo critério de qualidade e o traço do desenho, fatores que juntos, trazem originalidade e frescor ao mobiliário da marca. Os sistemas são pensados para proporcionarem inúmeras montagens e personalizações diversas, criando inúmeras possibilidades de ambientações e usos.

arina araujo blog prima linea fabrica em bh
Mobiliário pronto para receber acabamento na fábrica da Prima Linea, em BH

arina_primalinea4 arina araujo fabrica prima linea bh

 

logoprimalinea

gervasoni

Estande GERVASONI, Salão do Móvel de MIlão, 2015

arinaaraujo arquiteta gervasoni milão 2015

Seguimos falando de Milão 2015, dentro do assunto tendências e modernidade, o estande do fabricante de mobiliário GERVASONI merece destaque tanto pela qualidade do design de suas peças — um fato unânime em MIlão — mas como na criatividade e originalidade.

Para entender como eles chegaram na mobília de hoje, precisamos saber um pouco melhor da história deles. Como todos sabemos, a maioria, se não a totalidade das empresas de design italianas, começaram como artesãos familiares que foram passando a tradição de geração a geração e hoje, todos já se encontram bem posicionados como empresas profissionalizadas de gestão competitiva.

Com a Gervasoni não foi diferente. Fundada em 1882, a empresa é atualmente gerida pela terceira geração da família com Giovanni e Michele Gervasoni. Os padrões estéticos e técnicas de produção mudaram ao longo dos anos. Não é mais só a paixão pela beleza e artisticamente concretizada em móveis. Mas, a atenção ao detalhe, o uso de materiais naturais trabalhada com maestria, sugestões de locais próximos e distantes continuam a ser as marcas de produtos Gervasoni.

Trabalham com colaboração de alguns dos designers mais qualificados, como Paola Navone, que assina a Diretção Artística da companhia – Marco Piva, Michael Sodeau e Jasper Startup, que garantem a qualidade estética dos produtos e experimentação continuada com novos materiais.

arinaaraujo milao 2015 germanos linha up
Estande da Gervasoni com sofá da coleção UP! e espelhos da coleção BRICKs

Sofàs da coleção UP
designer: Paola Navone
UP! é uma chaise com braço direito ou esquerdo, estofada com espuma de poliuretano e possui tampa removível. Pés de laca natural nogueira americana ou branco, cinza, azul naval, preto. Almofadas 60×60 cm e 50×50.

up20lrdis arinaaraujo salao movel milao 2015 gervasoni

Espelhos da coleção BRICKS
Designer: Paola Navone
Espelhos com acabamento de laca branca grafada. O mais bacana deles é usar e abusar na disposição na parede. Os espelhos Bricks trazem um certo ar despojado em um ambiente requintado. Como são de vidro e laca branca, se harmonizam facilmente mesmo quando o ambiente possui cores muito abertas ou de outra predominância. Claro que, como tudo no design de interiores, deve ser usado com parcimônia,  equilíbrio e proporção!

gervasoni4
Espelhos da coleção BRICKs, grafados em laca branca     bricks arina araujo arquiteta espelhos bricks gervasoni milao 2015

gervasoni

arinaaraujo arquiteta blog casamilano salao de milao 2015

Salão do Móvel de Milão 2015 – Estande Casamilano

Casamilano foi fundada em 1998 por Anna, Carlo e Elena Turati com o objectivo de criar um projeto de casa de âmbito internacional. Ele fez sua estréia no Milan Furniture Fair em abril desse ano. Hoje, a marca se caracteriza por criar e produzir mobiliário italiano para a casa contemporânea.

A família Turati tem trabalhado para gerações no campo mobiliário. Em 1929, Carlo, avô fundou com seus filhos um negócio de artesanato que logo tornou-se uma pequena empresa de móveis.

Na década de 60, na sequência da mudança de gosto e estilo registrado no mercado, Giuseppe deu à empresa um novo curso e criou Tisettanta, envolvendo arquitetos de renome internacional, tais como Gae Aulenti, Vico Magistretti, Angelo Mangiarotti, Carlo Bartoli, Annig Sarian, Antonio Citterio.

Filha de Giuseppe, Anna gerenciava a área criativa juntamente com seu pai, enquanto Carlo gerencia a área comercial.

Em 1997 nasce Casamilano, uma empresa que tem sido capaz ao longo dos anos para se impor e desenvolver um canal de distribuição selecionada, com mais de 700 pontos de venda em todo o mundo.

arinaaraujo arquiteta blog casamilano salao de milao 2015

Casamilano coopera com designers de renome internacional, cujo estilo criativo corresponde às características do seu projecto: Paola Navone, o Laboratório Avallone, Roberto Lazzeroni, Massimiliano Raggi, Marco Boga, Enrico Franzolini, Gordon Guillaumier, Estúdio de Ópera, Lievore Altherr Molina.

A italiana fabrica um pool variado de mobiliário, são poltronas, sofás, pequenas mesas, cadeiras, armários, mesas, lâmpadas e espelhos, tudo rigorosamente desenhado, produzido e fabricado  na Itália. É notável a combinação de design com elegância e funcionalidade. A escolha de materiais sabiamente misturados e os cuidados de detalhes ao produzir objetos exclusivos para a casa contemporânea.

Entante Mondrian

O que interessou bastante, ao visitar o estande da marca italiana no Salão do Móvel de MIlão 2015, foi a Estante Mondrian.
estante mondrian casa milano arina araujo blog salao milao 2015

Repare como a harmonia do metal e a madeira se fundem em um jogo de esquadros de vazio e leveza, robustez e classe. Um móvel de extremo bom gosto, luxuosíssimo, que traz os valores tradicionais clássicos como o uso da madeira escura e pontua valores contemporâneos de linhas retas metálicas, uma alusão ao estilo do artista Piet Mondrian

mondrian
Quadro de Mondrian, inspiração para a estante Mondrian, da Casamilano

arina araujo blog milao 2015 estante mondrian casamilano

Quando se depara com o vasto portifolio da marca, o que chama mais a atenção são formas essenciais, linhas limpas interpretado utilizando materiais como ébano, carvalho e madeira de freixo, aço cromado e bronze, fusões de alumínio; superfícies que não são uniformes, embora única em seu aspecto material e de artesanato, dando assim vida a objetos que são quase único.

Casamilano_mondrian bookshelf_magenta bergere_ottoman Casamilano_mondrian bookshelf_4 Casamilano_mondrian bookshelf_3 Casamilano_mondrian bookshelf_2 Casamilano_mondrian bookshelf_1

arinaaraujo arquiteta blog casamilano salao de milao 2015

soca marca francesa no salgo millas 2015

Milão 2015 – Estande SOCA

Há 30 anos a marca francesa SOCA vem criando mobiliário com designers e arquitetos renomados. São conjuntos de móveis contemporâneos para o hotel, restaurante, lazer e negócios.

Em 1950, Maurice CONCHER inicia a fabricação de banquetas. 1982 houve a retomada dos negócios da família por Michel Conchagem , um filho de Maurice. Houve um reposicionamento na marca e orientação de atividades para a fabricação de móveis de alta qualidade para profissionais. A empresa começou a expor em grandes salões, como o Milan Furniture Fair International. Ansioso para se aposentar, Michel conching decidiu passar a tocha. Em 2001, Jean e Philippe Allain Veillon de Beauvais o sucedeu.

Em 2009, a SOCA lança a cadeira Shazam, design de Stefan Heiliger. Um divisor de águas no portfolio da marca, que redescobre sua visão poética e escultural do assento. Novos entusiastas e amantes de design encontram nesta poltrona a magia tanto buscada. Prazer ao olhar e ao sentar-se. SOCA integrou as razões ergonômicas mais avançados na concepção, sendo este o ponto meticuloso de conforto imediato: o corpo encontra seus rolamentos.

arina araujo arquiteta blog milao 2015 estande soca cadeira shazam
Cadeira Shazam, nas cores: vermelho, preto e branco. 92 x 45 x 69cm

arina araujo arquiteta blog milao 2015 estande soca
Pufe U.F.O, à esquerda, tela FRIZZ, do conjunto de painéis de parede FRIZZ , design Thierry d’Istria.

U.F.O.
Conforto de estar e estilo único que deixa sem palavras .
Disponível em círculo completo ou versão contra a parede, ele atende plenamente as necessidades de layout. Imagine uma série de pufes redondos UFO em um espaço grande, brilhante e aberto…

arina araujo arquiteta blog milao 2015 estande soca pufe ufo
UFO, H. 458mm, Diam. 1700mm, design Thierry d’Istria

Tela FRIZZ
A coleção FRIZZ inspira-se nas formas de um picolé. A vara de madeira é encontrado nas pernas arredondadas e madeira clara, imitando os diferentes sabores de sorvete em cores e revestimentos brilhantes. Tudo muito lúdico e divertido!

arina araujo blog mostra salao milao 2015 estande soca tela frizz
Paineis FRIZZ, tela pequena 1.20m x 0.450m. Tela grande 1.76m x 0.45m

soca marca francesa no salgo millas 2015

Agenda Milão 2015: Expo Leonardo Da Vinci

Em 16 de abril, o Palazzo Reale vai inaugurar a maior exposição sobre Leonardo da Vinci já encenados na Itália: LEONARDO 1452-1519, designer DO MUNDO. O projeto tem curadoria de Pietro Marani C. e Maria Teresa Fiorio.

arina araujo milao 2015

 

arina araujo leonardo da vinci
“Aquilo que é essencial é perfeito”. Leonardo Da Vinci

arina araujo no salao do movel de milao 2015

Salão Internacional do Mobiliário de Milão 2015

O Salão Internacional do Mobiliário de Milão, na tradição italiana, o maior evento internacional de design, referência em décor, que traz as tendências do meio para todos os mercados relacionados à Arquitetura e Design de Interiores, este ano acontece de 14 a 19 de Abril. São centenas de marcas encantadoras dentro do universo do design.

Neste ano, dentro da Feira de Milão, bienalmente, também há a Euroluce, a maior concentração por metro quadrado de design de iluminação: os maiores fabricantes de luminárias do mundo mostrando o que há de mais moderno entre seus lançamentos e design assinado.

arina araujo no salao do movel de milao 2015